19 de maio de 2011

Diário de bordo


"O meu olhar é nítido como um girassol,
tenho o costume de andar pelas estradas
olhando para a direita e a esquerda
e de vez em quando olhando para trás.

E o que vejo a cada momento
é aquilo que nunca antes eu tinha visto
e eu sei dar por isso muito bem,
sei ter o pasmo essencial que teria uma criança,
se ao nascer, reparasse que nasceras deveras."

(Fernando Pessoa)

Não podia faltar poesia em minhas primeiras postagens
Já dei boas vindas, fiz um convite a boas atitudes e é isso
Vou seguir dividindo palavras, imagens e boas energias

Nenhum comentário:

Postar um comentário