20 de agosto de 2011

Estações da vida


Inicialmente o ano era dividido em duas partes (com cinco estações distintas):
- Período quente, dividido em três fases:
Prima Vera (literalmente "primeiro verão"), de temperatura e humidade moderadas.
Tempus Veranus (literalmente "tempo da frutificação"), de temperatura e humidade elevadas.
Estivum (em português traduzido como "estio"), de temperatura elevada e baixa humidade.
- Período frio, dividido em duas fases:
Tempus Autumnus (literalmente "tempo do ocaso"), em que as temperaturas entram em declínio gradual.
Tempus Hibernus, a época mais fria do ano, marcada pela neve e ausência de fertilidade.
Posteriormente, convencionou-se, no Ocidente, dividir o ano nas quatro estações que conhecemos.
Vale lembrar que certas culturas ainda dividem o ano em cinco estações, como a China.
Países como a Índia dividem o ano em apenas três estações: uma estação quente, uma estação fria e uma estação chuvosa.
Já no continente Africano, países como Angola só têm duas estações, a das chuvas, quente e úmida, e o cacimbo, seca e ligeiramente mais fresca, principalmente à noite.

“A primavera só pode ser o que é porque o outono lhe embalou em seus braços.
O outono é a maternidade das floradas, dos cantos das cigarras e dos assovios dos ventos, é a preparação das aquarelas, dos trabalhos silenciosos que não causam alardes, mas que mais tarde serão fundamentais para o sustento da beleza que há de vir. São as estações do tempo. São as estações da vida.
Há em nossos dias uma infinidade de cenas que podemos reconhecer a partir da mística dos outonos e das primaveras, como florescer costurados em cores, alçados por alegrias que anunciam que depois de outonos, a vida sempre nos reserva primaveras.”

*Texto fragmentado de Padre Fábio de Melo.

5 comentários:

  1. Oi Tina!

    Muitas informações que eu não sabia...Cada povo com sua cultura, acho isso incrível, desvendar as culturas "alheias", já gosto!
    Um lindo sábado, que em nossa terrinha boa, está um sol maravilhoso, com algumas nuvens, mas ele brilha!

    ResponderExcluir
  2. Lindo!
    Olha eu perdendo tempo, estou indicando o seu blog no meu! *-*

    ótimo fim de semana flor

    ResponderExcluir
  3. Não existe perda de tempo.
    Como li e adorei num Blog q entrei essa semana: "aqui tem coisas minhas e talvez suas" e lá no manuscrito ídem.
    :)

    ResponderExcluir
  4. O que mais eu posso dizer, né?! *-*
    Ídem!

    :)

    ResponderExcluir
  5. Oi Tina!
    Vim retribuir a visita e o carinho!
    Obrigada pelas tuas gentis palavras, e seja sempre bem vinda no blog! Já estou te seguindo tbm!
    Grande beijo! :-)

    ResponderExcluir