21 de setembro de 2011

Filosofando - Parte 2


As estações do ano são a natureza mostrando que dela é impossivel extrair apenas coisas boas, no inverno ficamos gripados, no verão torramos no sol, se há chuva reclamamos, se há calor também. Há que se conviver, há que se tolerar, as estações, as contradições e variações da vida, do tempo, nossas, dos outros.

A vida sugere mais do que explica. Nem tudo tem explicação, nem tudo tem uma só explicação, uma razão, um só sentido ou nem mesmo tem sentido.

Tô lendo um livro onde um homem se questionou sobre a utilidade de seu cachorro. Não é um cachorro forte, bravo que defende a casa, não é um cachorro bonito, vistoso, também não é brincalhão, mas ele não se imagina sem ele, tem enorme carinho e afeição, nada que se explique, um amor gratuito e ele conclui: "Há coissa que nos são inúteis, mais indispensáveis."

A vida é muito mais que a teoria que sobre ela estabelecemos.

9 comentários:

  1. Sim Tina!
    A vida nem sempre é um mar de rosas ou cor de rosa, mas pode ser a cor que pintamos ela. Tudo depende da maneira como vivemos, como encaramos as mais diversas situações que ela nos apresenta!
    Bjão

    ResponderExcluir
  2. oi Tina. Estou por aqui e amando teu espaço! Que texto bacana... Eu li que a vida é feita de ciclos. Fiquei curiosa: Que livro você está lendo?

    Estarei sempre por aqui.
    Vanessa.

    ResponderExcluir
  3. É isso ai Débora, amei o seu post de nossa cidade...Salve Salvador!!!

    Oi Vanessa
    Bem vinda!
    Estou lendo: "Tempo de esperas"
    Do Padre Fábio de Melo - Editora Planeta

    ResponderExcluir
  4. Hum... Valei Tina! Coloquei na minha listinha.

    Bjocas e eutimia.

    ResponderExcluir
  5. oi tina
    você tem razão,mas nem sempre é fácil tolerar,perdoar,doar.
    são palavras bonitas, mas nem sempre fáceis de botar em pratica.
    é verdade queremos sempre o que não temos,o sol,quando chove,a chuva quando ta calor,e por ai vai...

    baci baci

    ResponderExcluir
  6. esqueci de dizer que fui ver o post que você me mandou,adorei,a simplicidade do blog.
    e deixei um recadinho lá.

    baci

    ResponderExcluir
  7. Tina, encontrei-te no blog da Fífia e vim dar uma olhada. Gostei tanto que vou ser tua seguidora e, sim, é verdade, há coisas ( e pessoas ...) inúteis que nos são indispensáveis.
    Vem-me visitar e fica por aqui.
    Acho que temos muito em comum.
    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Pois é querida italiana-potiguá, não é mesmo fácil, fácil é uma palavra que não existe no dicionário dos adultos, são bonitas as palavras e possiveis e se é possivel, da pra ser.

    :)

    Vc já viu que me trouxe uma nova seguidora?, mas uma para viajar nos pensamentos.

    baci

    ResponderExcluir
  9. Querida Tina, minha 300ª seguidora, seja muito bem vinda!
    Fiquei assiiiiim feliz!!!
    Beijo

    ResponderExcluir