5 de outubro de 2011

Exemplos valem + q palavras

Ouvimos e falamos tanto sobre a necessidade de deixar um planeta melhor para as crianças e adolescentes e esquecemos da urgência e necessidade de deixarmos crianças e adolescentes melhores: educados, honestos, dignos, éticos, responsáveis para o nosso planeta. Dar exemplo é um bom caminho.

Enxergamos o defeito nos políticos, no vizinho e não enxergamos em nós.
Segue lista de maus comportamentos que recebi por e-mail, vamos ficar atentos e mudar aos poucos ou radicalmente o que é incorreto e nocivo para nós e para os que nos seguem como exemplo.

Estacionar nas calçadas, muitas vezes debaixo de placas proibitivas.
Subornar ou tenta subornar quando é pego cometendo infração.
Beber e dirigir e dizer na frente do filho que com vc não acontece nada.
Desrespeitar os sinais de trânsito.
Fazer vista grossa quando seu filho ainda pequeno chegar da escola com pequenos objetos que não lhe pertencem ao invés de fazê-lo devolver no dia seguinte.
Pagar para alguém fazer seus trabalhos.
Saquear cargas de veículos acidentados nas estradas.
Trafegar pela direita nos acostamentos num congestionamento.
Parar em filas duplas, triplas, em frente às escolas (mau exemplo com platéia coletiva).
Furar filas utilizando-se das desculpas mais esfarrapadas.
Fazer "gato " de luz, de água e de tv a cabo.
Comercializar doações.
Estacionar em vagas exclusivas para deficientes.
Devolver qualquer obejeto perdido ou esquecido por alguém.
Não se importar (e muitas vezes até ajuda) que seu filho faça parte daquele grupo que fraudou o concurso público e passou, em detrimento de outros candidatos que honestamente tentaram passar.
Ir a escola e dar o maior esporro na professora ou professor que deu uma bronca em seu filho sem nem saber se ele merceu ou até sabendo.
Se matricular, participar de algo, sabendo das regras e depois não aceitar cumprí-las.
Não respeitar e não cumprir as leis, concordando ou não com elas.

E por ai lá vai!

7 comentários:

  1. Que intenso este post. Para refletir mesmo. Às vezes pagamos a "melhor escola"para o filho e paramos em mão dupla só um minutinho para buscá-lo. E todos os exemplos que estão aí no texto... sempre penso que tipo de exemplo será que o político corrupto teve em casa? Não por maldade na maior parte das vezes, mas vamos achando que é algo tão insignificante, que ninguém nota... os exemplos dizem muito.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Tina!!
    Ficou Otimo o texto!
    E realmente tem tudo a ver com meu post!
    Estamos em sintonia.
    Beijos amore!

    ResponderExcluir
  3. Post de Alê q tem td a ver com o tema:

    http://alebiet.blogspot.com/2011/10/homens-de-bem.html

    Confere lá!
    :)

    ResponderExcluir
  4. Oie Tiná!
    Falou tudo e maismum pouco!
    Bjus
    Paula Kasas

    ResponderExcluir
  5. Oi Tina! Texto maravilhoso. Não tenho dúvida nenhuma de que um exemplo vale mais do que mil palavras...

    Bjocas

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Tina!

    Ótimo texto. Eu sempre penso sobre isso, pois vi tantas situações em q as pessoas falam da corrupção dos políticos, mas se puderem levar vantagem alguma situação não pensam 2 vezes.
    Seus exemplos são perfeitos, mínimas coisas como furar fila. Isso é tanta falta de ética, tanta falta de respeito ao outro, e no entanto, parece muita gente vê isso como algo menor.
    Eu acredito em uma coisa: não existe "meio" honesto, não existe "meia" ética; ou você tem, ou não.

    ResponderExcluir
  7. e por aí vai... todos os dias a gente vê tantas atitudes aparentemente pequenas e que, como maior consequência, fazem as coisas não mudarem nunca no Brasil. Adorei o texto

    bjs

    ResponderExcluir