9 de janeiro de 2012

O Amor


"Sem dúvida, se perguntássemos às pessoas qual é o segredo da felicidade, dos bons relacionamentos e da satisfação pessoal, a maioria diria que é o amor, pois, sem amor, a vida é triste, sem cor, solitária, carece de um sentido maior. 

Muito se fala hoje sobre amor. Vemos inúmeros filmes, novelas, livros que abordam direta ou indiretamente esse tema tão explorado pela religião e pelas artes. Contudo, nunca se banalizou tanto o amor e nunca se amou tão pouco.

Definir um amor não é fácil. Muitos já tentaram. Há várias concepções filosóficas sobre o amor. E, mesmo que não conheçamos cada uma dessas teorias, elas estão nos contos de fadas que nossos filhos leem, nos desenhos e filmes a que assistem, nos livros que lemos, nas telenovelas que algum dia já vimos. Percebamos ou não, de alguma forma essas concepções estão em nossa mente e, em parte, explicam o que pensamos sobre o amor e o que esperamos dele.

Por que afirmamos isso? Porque toda pessoa é um ser humano do seu tempo, influencia o meio em que vive e é por ele influenciado em maior ou menor grau. Isso é facilmente percebido na linguagem, no vestuário, nos hábitos e nos costumes dos povos ao longo dos anos. Não falamos, não vestimos, não nos comportamos como alguém do século XVIII. Tampouco pensamos como ele. Vivemos no século XXI e nos comportamos como tal. 

Nos textos bíblicos, depois de afirmar que o amor é o dom mais excelente e de definir as características do amor divino que precisamos desenvolver, Paulo diz: 

"Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, pensava como menino; quando cheguei a ser homem, desisti das coisas próprias de menino. Porque, agora, conheço em parte; então, conhecerei como também sou conhecido." (1 Co 13:11–12)

Uma vida significativa não depende do tipo de sapato que se calça, de morar em certa rua, de uma casa grande e luxuosa. Não depende da marca do carro que se dirige, do time para o qual se torce, da universidade onde se estuda ou onde os filhos estudarão. 

Viver não é nada disso. Uma vida significativa não depende do dinheiro, da posição social, do poder que alguém tenha nem do fato de ser famoso ou não. Viver bem não está ligado ao fato de passar as férias ou não nos lugares desejados. O sentido real da vida é o amor. Logo, depende de amarmos e de sermos amados.

O amor é a maior energia positiva que rege o mundo espiritual. É uma vibração. Temos de estar inundados, cheios do amor ágape, espiritual, para fazer o bem e contagiarmos os outros. Isso fará toda a diferença na vida das pessoas."

MALAFAIA, Elizet

12 comentários:

  1. Lindo. Através do amor abrimos e fechamos portas, pois ele rege o mundo. Bjs

    ResponderExcluir
  2. É passarinha...eu acredito nisso...
    que estamos neste planeta para aprender a amar e que só evoluímos com o amor.

    bjo grande e boa semana! :)

    ResponderExcluir
  3. O amor é uma força maravilhosa que tudo transforma! beijos,chica e linda semana!

    ResponderExcluir
  4. O texto está lindo! E essa figurinha que o ilustra então?! Levou-me diretamente à minha infância... Beijo, linda segunda por aí!

    ResponderExcluir
  5. Você não poderia ter deixado um post melhor para iniciar a semana. Um texto de AMOR, receber e dar amor esse é segredo. Saudades d+++ Bjm Goiano Dani

    ResponderExcluir
  6. Que texto maravilhoso!
    Os pais devem ficar atentos porque a capacidade de amar se constrói na infância.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Tina!!
    A quanto tempo não passava por aqui!
    Tem momentos que tudo parece não ter fim
    inclusive trabalho... muita correria!!
    Não conhecia Elizet Malafaia, muito bom o texto!!

    "O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que
    as pessoas escalassem o Everest ou fizessem
    grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos
    amássemos uns aos outros."
    Chico Xavier

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  8. O amor é um sentimento que está faltando no coração humano.
    Bjoks

    ResponderExcluir
  9. Excelente texto, Tina, como sempre!! bjs e boa semana para você ;-)

    ResponderExcluir
  10. Ai, ai...maravilhoso este texto e verdadeiro em toda a sua profundidade. Obrigada por compartilhar. Obrigada por tão nobre e essencial tema.
    ;)

    ResponderExcluir
  11. O amor é realmente indescritível pq cada instante determina um olhar diferente a este sentimento INTENSO.

    ResponderExcluir