21 de março de 2012

O novo e o velho


"A cada nova tecnologia, a cada novo suporte para a criatividade humana ou meio de comunicação, os modos anteriores são considerados à beira da extinção...A fotografia não acabou com a pintura, mas continuamos discutindo apaixonadamente se a internet vai acabar com os jornais (eu acho que não).

Adoro a internet para trabalhar e me divertir, ler e escrever e falar com pessoas. Só que chega uma hora em que a profecia invertida se confirma. Quando nenhum outro recurso tecnológico resolve seu problema, eis que surgem papel e caneta para socorrê-lo. É fácil, prático, econômico e versátil.

Tempos atrás, trabalhei com um especialista em internet no desenvolvimento da estratégia de comunicação. Ele só falava inglês. Na primeira reunião, avisou a toda a equipe: “Everybody needs a notebook”. Quem não estava com o computador no colo saiu para buscar o seu, mas o “notebook” a que ele se referia era o bom e velho caderno. “Não quero ninguém fazendo anotações no celular!”

Assim como meus vinis dividem a prateleira com os CDs, os VHS com os DVDs (ainda não cheguei ao blue-ray), papéis, telas e teclados continuarão convivendo pacificamente por muito tempo. Que os humanos sejam capazes do mesmo convívio, a despeito das diferenças.”

Texto de Soninha Francine

15 comentários:

  1. Olá Tina!
    Gostei da postagem! Também sou um romântico, porém, não possuo a máquina de escrever nem o mimeógrafo. (sorrio)
    Abraços.
    Convido para que leia e comente “O LEILÃO” no http://jefhcardoso.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg! Vou lá conferir.

      Excluir
    2. Poxa! Obrigado pelo maravilhoso comentário que me deixou no meu texto da série “Cartas a Tas”. Você parece ter lido através de meus escritos, e isso foi sensacional. Dê-me mais dessa alegria. Não desapareça não. Abraço do blogueiro! Você está no twitter, Tina? Lá eu só falo da vida e de Literatura. Dê-me um oi por lá. Até!

      Excluir
  2. As vezes tudo isso me assusta...a velocidade das mudanças. As coisas ficam obsoletas em um piscar de olhos! Lembro que a pouco tempo, em 2003 quando casei, minha irmã fez uma sessão de fotos nossa com uma máquina digital com disquete! Imagina!!! Tudo muda muito rápido, pois a vida é movimento. Mas tem coisas que não se perdem... o calor humano, o toque, o carinho...isso não há tecnologia que supere! Beijos passarinha, com chuvinha de florzinhas de macela, folhas secas e alpiste! :)

    ResponderExcluir
  3. às vezes assusta a velocidade destas mudanças mas eu tenho comigo uma frase que sempre me motivo a aceitar estas mudanças: "Diante do novo a natureza troca de folhas, pelos e penas. O homem só precisa trocar de atitude".

    ResponderExcluir
  4. Tina...Tina...que interessante esse assunto! Sabe que eu não sou muito fã do copiar e colar...gosto de escrever...e para as receitas que vejo nos Blogs, tenho meu caderninho de receitas...e as vezes até me perco nas folhas sulfites que vou pegando da impressora e escrevendo uma anotação aqui e outra ali que me chamou a atenção...
    Mas o sistema nos empurra em direção ao Iped, Ipod da vida...e por aí vai...até que as crinças percam o hábito de escrever com o lápis!
    Beijos, obrigada pelas visitas, fico super feliz com vc "lem casa"! Uma ótima quarta-feira!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tb fico super feliz com vc sempre recheada de nutellas por aqui :)

      Excluir
  5. É a mais pura verdade!!

    Sabe uma coisa que tu pode fazer... que é muito simples, fácil e barata que impressionaria qualquer pessoa?!
    Mande lhe um carta... eu AMO receber cartaz pelo correi comum... Os olhos se enchem de emoção quando se abre a caixinha do correio e, além dos envelopes de contas e propaganda tem um destinado pra ti e escrito a mão de alguém que te ama!!!

    Beijos Charmosos :**

    Ótima e maravilhosa quarta-feira de sofá ;-)

    diario-decidimudar.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sempre escrevo e envio cartas, bilhetes, cartões.
      Agora que sei que vc gosta, vou enviar uma pra vc :)

      Eu tenho outras idéias e práticas nessa mesma linha, como fazer agenda (com direito a guardanapos, canudos, adesivos, etiquetas de presentes...), fazer bilhetinhos e cartas e colocar na porta da geladeira, na porta de entrada da casa, no para-brisa do carro, na carteira do marido, filho(a), mãe, pai, deixando um recado, fazendo uma homenagem.
      Fazer trabalhos manuais, desenhos...

      Enfim, sofá só de noite, oxalá que chegue logo a noite, tô de maresia hj :)

      Excluir
  6. Tina, como esse texto fala tudo!! Sempre gostei de me corresponder com minhas amigas e família que mora longe. Depois dos e-mails recebi pouquíssimas caratas. E entre elas está a sua, que está guardada na minha agenda;)

    Beijos e uma ótima quarta-feira para vc ;)

    nandapezzi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Que lindo este texto Tina...adorei...bjs e boa tarde!

    ResponderExcluir
  8. Realmente o mundo, sob certos aspectos, está mudando muito rapidamente. Temos q ter o cuidado de não sermos "engolidas" por essas mudanças.

    ResponderExcluir