15 de maio de 2012

"As vezes as coisas mais difíceis e as coisas certas são a mesma coisa"
Você conhece a parábola de Jonas?
Acredita que o que me levou a essa história foi o film: Os vingadores? Pois é! O homem de ferro fala, mas não conta sobre a parábola e eu como curiosa e amante de parábolas estou aqui para dividir com vocês os frutos de minha pesquisa.
A parábola é milenar e bíblica, do livro de Jonas, ela fala de cada um de nós quando temos medo, vergonha, restrições de demonstrar nossa fé, de sermos profetas e de enxergarmos e seguirmos no caminho do bem.
A nossa vida é marcada por essa dinâmica vocacional de sermos divinos e de, ao mesmo tempo, rejeitarmos a proposta divina. Jonas somos todos nós, quando cultivamos medos que nos impedem de seguir adiante.
Não por menos, Jonas, em hebraico Yoná, significa “pomba de asas aparadas”. Deus chama Jonas, mas ele não aceita a difícil tarefa de ir a cidade do inimigo que havia destruído o seu povo. Jonas não crê que o opressor possa se salvar. Deus chama Jonas para profetizar, mas ele foge. Ele prefere ir para uma “Colônia de férias”, a cidade de  Tarsis . No caminho ocorre uma terrível tempestade e para salvar a todos, Jonas é jogado ao mar e vai parar no interior de uma baleia e nesse momento ele toma consciência de seus atos, mergulhando no silêncio de si mesmo.
Como bem referenciou Ana Jácomo: "Passarinhos tem asas do lado de fora, agente tem do lado de dentro". Voar  e semear é a nossa missão, não fujamos disso, ou nos envergonhemos de falar de fé, de crenças, do bem, da paz, do amor.

9 comentários:

  1. Mesmo que não como os passarinhos, rs

    ResponderExcluir
  2. Temos asas do lado de dentro para voarmos de volta ao nosso refúgio primeiro.
    Beijo, lindo dia por aí!

    ResponderExcluir
  3. Linda parábola de Jonas e adorei a do carvalho que deixaste por lá!! Obrigado,beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Eu também gosto muito de parábolas. Interessante você falar em missão pois tenho pensado muito nisto e como os rumos da nossa vida se alteram por isto. Ou seria sina? Sorte, destino ou fado?

    ResponderExcluir
  5. Adorei! Muito interessante esse seu post.
    Não conhecia essa parábola, me fez refletir...

    Beijão Tina
    E obg pelos comentários.
    s2

    ResponderExcluir
  6. Eu sou cheia desses medos, mas ainda bem que de um tempo pra cá eu venho refletindo muito em relação à isso e tratando desses medos, anda dando certo.
    Um abraço e ótima semana, Tina!

    ResponderExcluir
  7. Oiii que horror!!! Não quero ser uma pomba de asas paradas =P

    Mas pra mudar isso, só depende de mim. Sem cultivar medos, é um dos "segredos" para seguir adiante.

    Obrigada, Tina!

    Beijo Charmoso :*

    Ótima noite nessa terça-feira geladinha do Sul!!

    ResponderExcluir
  8. ki lindo!
    amei o filme, mas naum me lembro exatamente qdo ele citou essa parabola...
    mas enfim, ainda bem q vc lembra e procurou pra gente!! rsss

    amoreka, otima quarta!!

    ResponderExcluir
  9. used cycles london uk
    Excellent Working Dear Friend Nice Information Share all over the world.

    ResponderExcluir