11 de outubro de 2012

Junto com as florez, a areia e o cheirinho de mar
Meu desejo de uma sexta-feira com a regência da Paz
Para acompanhar segue trechos do Teatro Mágico

“A partir de sempre
Toda cura pertence a nós
Toda resposta e dúvida

Todo sujeito é livre para conjugar o verbo que quiser
Todo verbo é livre para ser direto ou indireto
Nenhum predicado será prejudicado
Nem tampouco a frase, nem a crase
Nem a vírgula e ponto final

Que a regência da paz sirva a todos nós
Cegos ou não 
Que enxerguemos 
O fato de termos acessórios para nossa oração
Separados ou adjuntos
Nominais ou não"

Nenhum comentário:

Postar um comentário