29 de junho de 2012

Os italianos que me perdoem

Aqui em Salvador tinha uma pizzaria italiana tradicional que não  oferecia ketchup para o cliente não estragar o sabor da pizza.
Já passou tb uma vez uma matéria com Regina Casé em um programa desses da globo, onde ela levou para degustação em um centro popular, macarrão e galinha e optar pela farinha era o indicativo de que a pessoa era pobre.
Passo recibo e assino embaixo, adoro macarrão com farinha, com farofa então...hummm!!!!
Na verdade chuto o balde da classe, eu gosto de macarrão com salsicha, macarrão com carne moída, ketchup e queijo ralado, adoro macarrão com feijão, uma boa pimentinha, acompanhado de ovo mexido e para fechar a iguaria ítalo-nordestina, banana cortada em rodelas.
Iluminação superior e interior
Paz, bem e bençãos para nossa sexta-feira

28 de junho de 2012

Desejos de infância são sempre alcançáveis
Não é preciso nenhum engenharia
Não se faz conta
Racionalizações e correlações
Um doce, um papo, uma pipa, uma boneca
Um lápis e um papel para desenhar
Ou um sonho com a alegria de quem tem

27 de junho de 2012

26 de junho de 2012

Salve Gil!

Gilberto Gil, cantor, compositor, poeta...
Completa hoje 70 anos
Esbanjando musicalidade, juventude
Simpatia e baianidade
Gil é trabalho de Deus
"A raça humana risca, rabisca, pinta
A tinta, a lápis, carvão ou giz
Desse divino oásis
Da grande apoteose
Da perfeição divina
Na Grande Síntese
A raça humana é
Uma semana
Do trabalho de Deus"
Trechos da canção A raça humana
“Os conceitos são formulações fáceis
O silêncio não
Descobrir o que o silêncio diz requer maestria
É bom não saber dizer
Bom mesmo é ser compreendido 
Mesmo quando não sabemos dizer
Amar é uma forma de crer em silêncio"
Padre Fábio de Melo

25 de junho de 2012

Curiosidades.com

Hoje tem um monte de curiosidadezinhas juntas. Mas o tema central é a @, tão usada hoje em dia por nós. Você sabe o que significa? A origem do uso?
Durante a Idade Média os livros eram escritos pelos copistas, à mão e com o objetivo econômico, pois tinta e papel eram valiosíssimos, eles substituíam letras, palavras e nomes próprios por símbolos, sinais e
Assim, surgiu o til (~), para substituir o m ou n que nasalizava a vogal anterior. Se reparar bem, você verá que o til é um enezinho sobre a letra.
O nome espanhol Francisco, também grafado Phrancisco, foi abreviado para Phco e Pco ? o que explica, em Espanhol, o apelido Paco.
Para substituir a palavra latina et (e), eles criaram um símbolo que resulta do entrelaçamento dessas duas letras: o &, popularmente conhecido como "e" comercial, em Português, e, ampersand, em Inglês, junção de and (e, em Inglês), per se (por si, em Latim) e and.
E foi com esse mesmo recurso de entrelaçamento de letras que os copistas criaram o símbolo @, para substituir a preposição latina ad, que tinha, entre outros, o sentido de casa de.
Foram-se os copistas, veio a imprensa e os símbolos @ e & continuaram firmes nos livros de contabilidade. O @ aparecia entre o número de unidades da mercadoria e o preço. Por exemplo: o registro contábil 10@£3 -  10 unidades ao preço de 3 libras cada uma.
Nessa época, o símbolo @ significava, em Inglês, at (a ou em).
No século XIX, na Catalunha (nordeste da Espanha), o comércio e a indústria procuravam imitar as práticas comerciais e contábeis dos ingleses. E, como os espanhóis desconheciam o sentido que os ingleses davam ao símbolo @ (a ou em), acharam que o símbolo devia ser uma unidade de peso. Para isso contribuíram duas coincidências:
1 - a unidade de peso comum para os espanhóis na época era a arroba, cujo
inicial lembra a forma do símbolo;
2 - os carregamentos desembarcados vinham frequentemente em fardos de uma arroba. Por isso, os espanhóis interpretavam aquele mesmo registro de 10@£3 assim: dez arrobas custando 3 libras cada uma. Então, o símbolo @ passou a ser usado por eles para designar a arroba.
O termo arroba vem da palavra árabe ar-ruba, que significa a quarta parte. Uma arroba correspondia a 1/4 de outra medida de origem árabe, o quintar, que originou o vocábulo português quintal, medida de peso que equivale a 58,75 kg .
As máquinas de escrever, que começaram a ser comercializadas na sua forma definitiva há dois séculos, mais precisamente em 1874, nos Estados Unidos (Mark Twain foi o primeiro autor a apresentar seus originais datilografados), trouxeram em seu teclado o símbolo @, mantido no de seu sucessor - o computador.
Então, em 1972, ao criar o programa de correio eletrônico (o e-mail), Roy Tomlinson usou o símbolo @ (at), disponível no teclado dessa máquina, entre o nome do usuário e o nome do provedor.
Na maioria dos idiomas, o símbolo @ recebeu apelidos, referentes a alguma coisa parecida com sua forma: em Italiano, chiocciola (caracol); em Grego,  papaki (patinho);em Sueco, snabel (tromba de elefante); em Holandês,  apestaart (rabo de macaco). Em alguns, tem o nome de certo doce de forma circular: shtrudel, em iídisch; strudel, em alemão; pretzel, em vários outros idiomas europeus. No nosso, manteve sua denominação original: arroba.
"Canta, canta passarinho
Canta, canta miudinho
Na palma da minha mão
Quero ver você voando
Quero ouvir você cantando
Quero paz no coração"

22 de junho de 2012

Viva São João! Vivaaa!

A festa de aniversário mais animada do nordeste acontece de véspera, como o nascimento de menino rei e o dia é amanhã 23 de junho. Diz a história que na antiga Judeia as primas Isabel e Maria, mãe de Jesus, estavam grávidas e combinaram que a primeira a ganhar bebê anunciaria a novidade acendendo uma fogueira em frente à própria casa. Isabel cumpriu a promessa e seguimos como tradição popular e folclórica ascendo fogueiras pelo nascimento de seu filho.
João é considerado o último dos profetas, e o primeiro apóstolo. O evangelho de São Mateus fala das pregações e dos batismos que João realizava às margens do rio Jordão, dentre eles o de Jesus. Uma peculiaridade, segundo o pesquisador Janio Barros de Castro é de que normalmente veneram-se os santos católicos no dia de sua morte e como a veneração a João é pelo seu nascimento a sua imagem mais conhecida é dele menino, de cabelos encaracolados.
Achei ainda, em minha busca por curiosidades, a informação de que a maçonaria tem como um de seus patronos São João Batista. Sob uma visão simbólica, ele e São João Evangelista, homenageado em 27 de dezembro, representam a anunciação da vinda de Jesus e propagação da sua palavra.
Existe um personagem que se relaciona particularmente com a imagem de João Batista, que eu amo ver nas ilustrações, é o carneirinho, que tem relação simbólica com o sol e o fogo.
O carneiro é o simbolo do signo de Áries, que dá início ao ano astrológico, justamente no equinócio da primavera, ponto anual no qual o sol espiritual “nascido” na noite de 24 de dezembro está apto a dispensar a sua ação benéfica de calor para as sementeiras, colheitas, alegria sobre os homens e suas obras.
São João dorme em seu aniversário celebrado com muito barulho pelo povo e inspirados nesse sono santo, busquemos e cultivemos a tranquilidade para nossos sonos e sonhos, apesar dos ruídos.
Doçura para todos nós e as boas energias da inocência da imagem do menininho de cachos com o carneirinho no colo para nossa sexta-feira e para o final de semana.

21 de junho de 2012

Sobre os arco-íris sabemos que tem 7 cores e que no final dele tem um pote de ouro. Eu amo ver arco-íris e achei muito legal saber a origem do nome e essa é mais uma curiosidade que divido com vocês.
Íris, na mitologia, mensageira da deusa Hera (ou Juno), descia do céu em um arco de luz e vestia um xale de sete cores e esse mito deu origem ao nome desse encantador fenômeno natural. E quem sabe quais as sete cores do arco-íris?
São: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, anil e violeta
Muitas cores e curiosidades
Sabedoria e alegria em nossas vidas!
"O valor da fé se avoluma 
Com a despedida das destrezas da mocidade"
Os trechos do relato que segue é continuação da frase acima que extrai de uma das crônicas do novo livro de Pe Fábio de Melo, "Orfandades", que venho dividir com vocês como reconhecimento da importância do papel da fé, de acolher, guiar, sustentar, adornar nossas vidas.
"...Idalina grita aos céus sempre que a vida a aperta, encontra conforto em ladainhas, rosários, novenas, jaculatórias. Vive a salmodiar com desatino tudo que a aflige. Foi condicionada a entregar a vida nas mãos de Deus. Aprendeu a dividir o fardo...Vez enquanto eu a vejo passar na porta da minha loja com as feições cobertas de desespero. Faz sempre da mesma forma. Entra na igreja e uma hora depois sai de lá refeita, reconciliada com a serenidade.
Eu não sou assim. Nunca soube dividir minhas lutas. Não encontrei esse Deus a quem Idalina atribui o poder de recolher-se os fardos...A vida em nossa casa não permitia espaço a outras questões que não fossem as humanas...Cresci assim. 
O meu pai era um militar que tinha o peito colmado de medalhas."Todas conquistadas com trabalho, dedicação e competência", dizia ele, desprovido da necessidade de dividir a glória com divindades...Sua crença era nas coisas terrenas, não conhecia outras...O tempo retirou-lhe a competência, a possibilidade do trabalho, a tal dedicação à qual ele atribuía os resultados. Restou-lhe a indigência, a mão vazia desprendida de buscar o céu, a voz sem prece, sem salmos...
Minha mãe seguiu o mesmo caminho...o corpo foi perdendo a grandeza,a musculatura minguada já em nada me recordava a destreza da mulher que sempre comandara com maestria a ordem da casa. Deitada permanecia com olhos sempre posicionados na direção do céu, como se procurasse fé para gritar uma súplica, um dedo divino que lhe proporcionasse uma epifania...Sabia-se velha, doente, insuficiente. Sabia-se sem auxílios superiores. Ateia, incapaz de molhar a boca com palavras que lhe trouxessem auxílio redentor, ela sorveu o último cálice alicerçada na fria laje de suas convicções...
Hoje estou aqui...minhas respostas prontas respondem aos outros, mas não a mim. Sinto um desejo imenso de crer em mistérios, verdades ocultas, oráculos, revelações. Desejo de prostrar meu corpo diante de altares, imagens, livros santos."

20 de junho de 2012

O inverno começa hoje
A palavra Inverno vem do latim: hibernu, tempus hibernus
Referência ao ciclo biológico de alguns animais 
Há quem ame o friozinho, há quem não goste
É bom para dormir
Ficar no sofá embaixo de uma boa coberta
Difícil é sair
Crianças em casa
Nada passeios na pracinha
Só em breves e vigiados momentos janelas abertas
Muito baralho, dominó e dama
Filminhos, pipoca, chocolate quente
Nada de banho de mangueira
Meias, casacos, moletons, namoro
Com ou sem frio, bom inverno para nós!
"Felicidade é uma forma de coragem"

19 de junho de 2012

Salve o cinema brasileiro!

"Gato bebe leite, rato come queijo"
Eu escrevo
Meu irmão faz cinema
Salve Marcos Bautista!
Paula Gomes, Ernesto Molinero, Haroldo Borges!
Lucas Laborda!
Salve a Plano 3!
Salve Glauber Rocha!
Selton Mello, Matheus Nachtergaele!
Wagner Moura, Alice Braga, Rodrigo Santoro!
Salve o Auto da compadecida!
Deus é brasileiro, Lisbela e o prisioneiro!
Salve o cinema brasileiro!
No dia 19 de junho de 1889 o primeiro filme em movimento genuinamente brasileiro foi rodado, pelo cinegrafista italiano Afonso Segreto. O filme: “Vista da baía de Guanabara” era um documentário com cenas da Baía de Guanabara, Rio de Janeiro. Desde então, os irmãos Segreto começaram a registrar os principais acontecimentos do país, sendo os únicos produtores brasileiros até 1903. Dia 19 de Junho, portanto foi escolhido pela Ancine para comemorar o Dia do Cinema Brasileiro. A primeira Companhia de cinema brasileira foi fundada, dia 29 de janeiro de 1911, distribuindo salas de cinema por todo o país.
Nos anos trinta, Adhemar Gonzaga instalou o primeiro estúdio de cinema no Rio de Janeiro, a Cinédia, que tornou possível as produções de dramas e comédias musicais brasileiras.  Em 1953, o filme “O Cangaceiro” tornou-se um dos maiores sucessos do cinema brasileiro e foi o primeiro filme a conquistar as telas estrangeiras, ganhando o prêmio de melhor filme de aventura e de melhor trilha sonora no Festival Internacional de Cannes. Com tal sucesso, o filme foi levado para 80 países e vendido para a Columbia Pictures. Anos depois, em 1998, o filme "Central do Brasil", conquista as bilheterias nacionais e estrangeiras, chegando a receber um Urso de Ouro em Berlim. A espetacular Fernanda Montenegro ganhou o Globo de Ouro de melhor atriz.
Como irmã de cenógrafo e cinéfilo, vim compartilhar algumas colaborações ao cinema nacional. clica no nome do curta e comenta aqui o que achou: Profissão palhaçoRetrato e Meninos

17 de junho de 2012

Retrato junino de domingo

Essa foto é o meu retrato do próximo domingo
Onde o aniversariante vai ser o rei do post
Eu amo São João
Adoro olhar para essa foto
E lembrar dos arraias nas casas de Tia Nélia
Lembrar dos vestidinhos, pintinhas na bochecha
Segurar as chuvinhas sem o senso do pouco tempo que duram
Viajando na eternidade estrelada
E essa minha pose segurando a saia?
Faltou só olhar para quem estava tirando a foto
São João me lembra muito minha Escola
Onde a parte que u mais gostava não era a festa
Onde os meninos não queriam ser meus pares
Pois eu durante todo ano batia neles...risos
Eu gostava era de ir ajudar a decorar as barraquinhas
Muita flor de papel crepom
Laranjinhas com carinhas, tranças e chapeuzinhos
Milhos com grãos de papel enroladinhos e colados um a um
Amendoins com chapéu de cangaceiro
Pratinhos com um item de cada
Cheirinho de laranja descascada em voltinhas
Até hoje gosto mais não tenho vivenciado a festa
Tão nordestina, popular, animada
Tudo no São João me encanta
O retratinho dele com o carneirinho
Os panos e roupas de quadros e chita
A fogueira e sua quentura, queimar, estaladinhos
Gosto muito de ver a fogueira queimando
Amo forró, com sanfona, baião, zabumba e triangulo
Gosto de ouvir e de dançar
É isso meu povo
Viva São João!
Viva os domingos!
Viva os retratos de nossas vidas!

15 de junho de 2012

Hoje é sexta-feira
Dia de todos os santos aqui na Bahia
Dia internacional de relaxar
Fim de semana chegando
Xô cansaço, preguiça e stress
“No fundo, no fundo, bem lá no fundo, a gente gostaria de ver nossos problemas resolvidos por decreto. A partir desta data, aquela mágoa sem remédio é considerada nula e sobre ela silêncio perpétuo.
Mas problemas não se resolvem, problemas têm família grande, e aos domingos saem todos a passear: o problema, sua senhora e outros pequenos probleminhas.”
Para cada problema uma solução, para qualquer solução equilibrio emocional, atitude, perdão, fé, amor, diálogo, compreensão, aprendizado.
Que solucionemos nossos problemas e levemos a alegria para passear no domingo com seu senhor e muitas pequenas alegriazinhas.

14 de junho de 2012

Achamos que as coisas fantásticas
Os ganhos, conquistas, avanços
Ou as grandes perdas, dores e dissabores
Serão o que teremos para lembrar
Tiramos fotos de grandes eventos
Registramos e guardamos objetos de momentos marcantes
Mas as vezes alegrias e tristezinhas
Acontecimentos prosaicos
São ricas recordações
Que não tem foto, data
Não imaginamos, nem de longe 
No momento em que acontecem
Que vão nos marcar
Um almoço
Uma conversa
Um filme, um banho de mar
Os dias que você parou na porta do quarto de seu filho
E ficou olhando ele dormir
O abraço de seus avós, pais
Um bolo de laranja maravilhoso que uma vizinha fazia
O cheirinho de terra molhada da casa de sua tia
Aquele vestido que você adorava
Um lugar, um dia, um gesto qualquer
Fragmentos de nossa vida
Que a compõe, adornam
Redimensionam o sentido de grandeza

13 de junho de 2012

Salve Toinho!

Fernando de Bulhões e Taveira nasceu em Lisboa
Ordenado sacerdote
Entre os cônegos regulares de Santo Agostinho
Deixou-se fascinar pelo ideal Franciscano
Ingressou no convento de Santo Antônio de Coimbra
Onde recebeu o nome de Antônio
Salve Toinho!
Salve os pães distribuídos aos pobres!
Salve o pãozinho que fica o ano inteiro nas nossas farinheiras
Chamando fartura, pedindo que nada falta em nossa dispensa
Salve as belas imagens desse Santo tão popular
Salve o menininho Jesus!
Sempre tão lindo e bem aconchegado em seus braços
Salve as festas populares!
Salve a fé!

12 de junho de 2012

Para sempre

Foto de mil novecentos e antigamente

Na busca de fotos achei essa representação de "O beijo"

Tela: O beijo, de Gustav Klimt

Salve o amor!
O beijo, o abraço, as mão entrelaçadas
Li outro dia em algum lugar e assino embaixo
"Nada mais íntimo do que andar de mãos dadas"
Salve a troca de olhares!
O olhar perdido
O coração disparado
Os apelidos, as histórias
Salve as juras, os planos, os sonhos!
Salve o encantamento!
As mil ligações, recados, bilhetes
Salve a saudade!
Salve meu casal predileto: Paulo e Tina!
“Nós somos um quadro de Klimt
O Beijo para sempre fagulhando em cores
Resistindo a tudo seremos
Dois velhos felizes
De mãos dadas numa tarde de sol
Para sempre”
Vanessa da Mata

11 de junho de 2012

"Um coração precisa apenas de sua própria voz
Para fazer o que é certo"
Salve a voz do coração!
Salve o que é certo!
“Concentrados no problema
Não enxergamos a solução”
Olhos e ações voltados para as soluções
Salve os bons olhares!
Salve as soluções!

8 de junho de 2012

"Felicidade é um trabalho que vem de dentro"
Nada como uma boa noite de sono
Nada como ter amigos
Nada como ter um grande amor
Nada como ter o que comer, onde morar
Nada como ter como pagar as contas
Nada como dia após dia
Nada como uma sexta depois de um feriado

6 de junho de 2012

Salve Vênus!

Vênus conclui hoje o último trânsito do século entre o sol e a terra. O fenômeno ocorreu pela última vez em 2004, só voltará a se repetir pela próxima vez em 2117.
Vi fotos fantásticas na internet e lembrei-me da teoria do  livro de John Gray: “Homens são de marte, mulheres são de Vênus”. Um guia prático para melhorar a comunicação dos sexos opostos, muito oportuno e útil para o clima de dia dos namorados.
“Esperamos que  o sexo oposto se pareça mais conosco. Desejamos que "queiram  o que nós queremos" e "sintam como nós sentimos". ..Essa atitude nos coloca numa situação de repetidas  decepções e nos impede de levar o tempo necessário para comunicar amavelmente nossas diferenças.
Os homens esperam, equivocadamente, que as mulheres pensem se comuniquem e reajam.
da maneira que os homens o fazem; as mulheres erroneamente esperam que os homens sintam, se comuniquem e respondam da maneira que as mulheres o fazem. Nós nos esquecemos de que homens e mulheres devem ser diferentes. Como resultado, nossos relacionamentos  vivem permeados de conflitos e atritos desnecessários.
Reconhecer e respeitar claramente essas diferenças  reduz drasticamente a confusão ao lidarmos com o sexo oposto. Quando você se lembra de que os homens são de Marte e as mulheres são de Vênus, tudo pode ser explicado.”
Penso que a escolha desses dois planetas para diferenciar homens e mulheres se deva dentre outras coisas por suas grandes diferenças de velocidade e tempo para completarem suas órbitas.
“Existem diferenças entre a maneira de pensar de homens e mulheres, e é justamente isso que faz a vida mais saborosa, mais interessante. São necessários vários instrumentos musicais para criar uma orquestra, pois o som de um único instrumento pode compor apenas uma melodia solitária, mas somente a união de muitos sons compõe uma melodia rica e harmoniosa.” Resumo do livro: Além de Marte e Vênus - Diferenças entre homens e mulheres. Os textos deste livro foram selecionado dentre os discursos proferidos por Osho ao longo de trinta anos.
No  Oriente há muitos mitos, lendas e histórias em torno da Carpa, também conhecida como Koi.  No Japão, esse belo peixe ornamental é vendido em qualquer loja de animais. Como a tartaruga  ou cagado aqui do Brasil, é aquele bichinho que vive muito e que agente alimenta quando lembra. A  Carpa tem uma média de vida de 200 anos. Por isso ela é um símbolo de longevidade e perseverança, representa também hierarquia, tradição, conhecimento.
A abertura da novela global: Amor eterno amor, foi minha inspiração para esse post. Acho linda a  música, a animação e acho que aquele peixe é uma carpa e a ave uma fênix, símbolo do renascimento. Tudo muito contextualizado uma vez que a novela é espírita. Que sejamos perseverantes, tenhamos vida longa como as carpas e renasçamos sempre como as fênix.

5 de junho de 2012

Verde que te quero verde

Pelo dia do meio ambiente
Que é todo dia
Que é de todos nós
Que precisa ser preservado
Que tem muito para ser admirado
"Não precisamos de magia para mudar o mundo
Temos a força necessária dentro de nós
E esse poder é imaginar o melhor"
Da autora de Harry Potter
Quem se importa?
Quem se importa é um movimento 
Que inspira as pessoas a serem transformadoras
"Ajudar 4 pessoas ou ajudar 1.000
O que importa é o sentimento que está por trás"
O movimento está em um longa filmado em 7 países:
Brasil, Peru, USA, Canadá, Tanzânia, Suíça e Alemanha.
A narração é de Rodrigo Santoro.
Clica aqui para ver o trailer e mais informações
Além de inspirador
O filme tem trechos do curta Meninos
Um filme de meu irmão e sua trupe
E ai?
Que tal todo mundo se importar?
Imaginar e fazer o melhor
"Todo mundo pode mudar o mundo"

4 de junho de 2012

Notas juninas

Lá vem eu com mais uma curiosidade de almanaque
Quem ai sabia que as notas musicais tem a ver com São João?
As 7 notas musicais que conhecemos 
São uma homenagem a São João Batista através de seu hino
A primeira sílaba de cada palavra do hino em latim
São as nossas notas musicais
Exceto o "Ut" que foi traduzido e virou o DO 
E Sancti Ionnis 
Que se pegou a letra inicial de cada palavra para formar o SI
Vou explicar com a letra do hino:
Utqueant laxis
Para que possam
Resonare fibris
Ressoar as
Mira gestorum
Maravilhas de teus feitos 
Famulli tuorum
Com largos cantos 
Solve polluit
Apaga os erros 
Labii reatum
Dos lábios manchados 
Sancti Ioannis
Ó São João
Entenderam? Viva as notas musicais!
Viva as curiosidades!
Viva a origem das coisas !
E viva São João!

2 de junho de 2012

Manoel de Barros disse
"Os delírios verbais me terapeutam"
Eu assino embaixo
Essa é minha seção terapêutica de hoje
Muitas tarefas
Caseiras, maternais, pessoais, cotidianas
Me esperam
Vou aqui e volto segunda
Bom final de semana!

1 de junho de 2012

"Evite acidentes
Faça tudo de propósito"
Tenha uma sexta-feira maravilhosa
Um mês de junho maravilhoso
De propósito escolha a alegria
O perdão, o afeto, a paz, o amor