17 de outubro de 2013

Por doçuras e alegrias

"Jujuba, bananada, pipoca
Cocada, queijadinha, sorvete
Chiclete, sundae de chocolate
Paçoca, mariola, quindim
Frumelo, doce de abóbora com coco
Bala juquinha, algodão doce e manjar"

Hoje eu trouxe Marisa (trecho acima)
Vanessa (trecho abaixo)
Clara (história mais abaixo)
de arremate
Para juntas, com suas palavras
Como  ingredientes de uma receita
Nos fazer suspirar e nosso dia adoçar

"Quem disse que faniquito não cura?
Quem disse que açúcar e afeto não podem curar?
A vó dizia que era perfeição
Tradição e evolução
Era o bolo que todos gostavam
Do Flamengo ao Corinthians
E a molecada espalhada voltava
Tinha o dom de agregar quem brigava
Traz amor em três dias
Ou o seu dinheiro de volta
É simpatia contra dispersão, rejeição, desilusão"

Eu acho que na medida
Afeto, doce e faniquito são uma boa pedida
Faniquito é dar piti, chutar o pau da barraca, soltar as bruxas
Com moderação hein, para não desandar a massa
Para ficar mais receitoso, segue Clara em neve

"O Rei de Açúcar tinha um menino risonho na barriga. Mas um dia veio o destino e teria de adoçar o café amargo. Ele protestou e disse que não estava na hora de derreter-se. Então, chamou a Rainha Doce e os quatro grãos de princesas do Reino Açucarado para um grande banquete de açúcar. Havia potes abertos de açúcar de todas as cores em cada canto. Tinha até açúcar refinado formando arco-íris, rio de água doce e nuvens de algodão bem docinho.
Lambuzaram-se de felicidade por toda a vida. Quem é que não fica feliz com tantos flocos de açúcar espalhados? O Rei despediu-se de todos e foi, sorrindo, tirar o amargo do café!"
Historinha criada a partir de um texto escrito pela doce Clara, filha de Rovênia, que inspirou essa postagem. Doce quinta a todos, expressão colhida nas doces quintas da amiga Gê, clica aqui para ver a última, recheada de comentários. Brinde de café e golinho de água com gás para harmonizar o paladar e fazer a digestão.

16 comentários:

  1. Me lambuzei toda com o texto e com aqueles doces, huummmm, irresitíveis.
    Aliás, não sei quem inventou que açúcar faz mal, minha mãe resolvia os maiores problemas com água com açúcar ou pirulitos e balas... E éramos todos saudáveis e felizes! saudades de quando açúcar era só sinônimo de
    alegria!

    Bjs bem adocicados
    Vania

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Delicioso seu comentário!

      Eu aqui sigo parada no tempo, fazendo uso da receita de água com açúcar para soluços, pancadas, sono, irritação;

      Fundo de colher bem geladinha para diminuir galos, pois sigo batendo com a cabeça, braços e pernas em quinas, tenho PHD nisso;

      Água maravilha, gelo, compressas para as pancadas e outros males;

      Leite quente com canela para dormir, acalmar e agradar Noel na noite de Natal :)

      Excluir
  2. Bom dia!!! E começar dia assim em meio ao açucar de suas palavras e numa descrição sem igual.
    Bom demais!!!
    Uma quinta-feira bem docinha, sem faniquitos.
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
  3. Lindo texto, belíssimas inspirações e que cada vez possamos mais ver e ouvir doçuras assim. Adorei! BEIJOS PRA TODAS AS INSPIRADORAS E PRA TI! CHICA

    ResponderExcluir
  4. Texto docinho docinho
    heheheheheeheheheh
    Adoreiiiiiiiiii Tina
    Mt bom!


    Bjooooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Clara adocicou o meu dia! Beijo para as doces menininhas da Rovênia.
    Jujubas a todos que passarem por aqui!
    Bj

    ResponderExcluir
  6. Que legal começar o dia com uma doce postagem...rs
    Maravilha!!
    Beijinhos e o meu carinho
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  7. Que seu dia seja doce.
    E que os amargos da vida não nos afete de fato.

    bjokas doces =)

    ResponderExcluir
  8. Tina querida, quanta doçura nestas palavras...
    Desejo que o seu dia seja doce!!

    Beijinhos!!♥

    ResponderExcluir
  9. Hummm, adoçou meu dia, Tina.

    Ótima quinta para você!

    ResponderExcluir
  10. Ah, que faço com essa menina tão doce, que mora tão longe, e me presenteia com palavras tão açucaradas? A Clara vai se derreter toda, quando eu mostrar o seu post! Amar foi pouco, a-do-rei. Obrigada, de coração!
    [sorrisos infinitos] :) ...

    ResponderExcluir
  11. Ficou uma graça a adaptação.
    Um doce pra vc tb.
    bju

    ResponderExcluir
  12. ai que vontade de um docinho beeeeeeem gostoso... Esses textos que você postou são puro comfort food, minha querida!

    obrigada pelo link ;-)
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Gosto de passear pelas postagens quando visito pela primeira vez um blog, a fim de me inteirar da maneira como a pessoa se expressa. Fiquei encantada com o jeitinho alegre, sensível, descontraído, amoroso, delicado, com que teces cada história ou crônica. Enterneceu-me também a tua poesia, assim como fui cativada por tua filosofia de vida. Partilhas teus conhecimentos com muita simplicidade, e isto torna tua atitude muito louvável. É pena que o tempo seja curto e não pude deixar comentários nas postagens por onde andei, mas adorei tudo aquilo que li. Por isso, vou voltar, com certeza, pois encontrei aqui um espaço verdadeiramente encantador.
    Deixo sorrisos e estrelas num agradecimento pelo bons momentos que passei no teu cantinho.
    Com meu carinho,
    Helena

    ResponderExcluir
  14. TRAGO TODA DOÇURA PRA VOCÊ !
    O POST TRAZ UMA CARGA DE AMOR DISSOLVIDO NA MAIS PURA MAGIA...
    BJS ADOCICADOS !!!!!!

    ResponderExcluir
  15. Tina, que doçura esse post igual a você,gostinho de jujuba!
    Adoro jujuba!!
    Beijinhos açucarados!
    Pedro

    ResponderExcluir