3 de dezembro de 2013

Bons tempos

Imagem de picolés Capelinha
O picolé popular de griffe aqui de Salvador
Com vários sabores
Tamarindo, cajá, coco, amendoim, goiaba, tapioca...
Todo mundo sente nostalgia, nem que seja um bocadinho. Nostalgia é como uma porção de coisas que na medida faz bem, não é ilegal, pode ser imoral e a depender do que seja, engorda. Eu fiz uma listinha nostálgica e poética minha, que de muitos também deve ser. Depois de ler, conta: Você, tem saudade de quê?
Bons tempos em que tarefa de casa era colorir e que eu não sabia como as roupas apareciam limpas e passadas em meu armário. Bons tempos em que o lanche da tarde era Vitamina de banana acompanhada de pão com manteiga e queijo e caloria era uma palavra desconhecida. Que férias eram sinônimo de mais de um mês de folga, de folga de verdade. Que o jogo da vida era um brinquedo de tabuleiro.
Bons tempos em que a mania coletiva no verão era geladinho, picolé, abafa banca e os passeios com a galera incluíam bater perna, pizza e cinema, não só bares e bares e bares. Bons tempos em que meu cabelo lavado com sabão de coco era mais bonito do que hoje com hidratação, cauterização, selagem, escova. Pois é, mas tudo tem seu lado bom e ruim, para com rima alegrar e fechar o papo, bom nosso pé não crescer mais e por isso nao perdemos os sapatos.
Só para explicar, abafa banca aqui na Bahia e não sei se em mais lugares, é o nome que se dá a um tipo de picolé popular obtido ao colocar suco ou outro liquido na cuba de gelo, uma sobremesa ou lanche caseiro para se lambuzar, adoçar o paladar e se refrescar do calor de abafar.

16 comentários:

  1. Nostalgia nos faz bem, né? É tão bom recordar do tempo que passou e mesmo assim ficar com sorriso no rosto.
    Adorei a leveza do seu texto, e, confesso que fiquei morrendo de vontade de picolé de amendoim. *-*

    Beijos e sorrisos.

    ResponderExcluir
  2. Olha só, conhecia abafa banca sem conhecer o nome! rsrs
    Deu saudade de tomar chuva sem se preocupar, tomar sorvete todo sábado ou todos os dias da semana (a sorveteira morava na minha rua) sem se preocupar com caloria, kcal ou kJ e tabelas nutricionais. Na frente da escola, um real era o suficiente pra comprar 10 babas de bruxa ou bala TNT. A baba de bruxa era um chiclete azedinho que enchia a boca de espuma. A TNT era uma bala ultra-azeda e por isso eu e os amigos competíamos pra ver quem mordia a bala sem fazer careta rsrs.

    Sim, bons tempos!

    ResponderExcluir
  3. Ai que deliciaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!
    E agora que fiquei com vontade? rs...

    bjokas doces =)

    ResponderExcluir
  4. Sleeeppp!

    Não resisti e dei uma lambida no de tapioca...

    Essa Bahia...

    Meu abraço!

    ResponderExcluir
  5. Olá Tina!
    Até parece que você estava falando das minhas saudades, tudo igual, a não ser algusn sabores de picolé que não tinha por aqui, mas era tudo assim mesmo...que legal, sentir esta saudade...bjs no coração.

    ResponderExcluir
  6. Tão bom lembrrar disso tudo,Tina! E esse abafa banca é muito legal e bom de se emlambuzar...beijos,lindo dia!chica

    ResponderExcluir
  7. Há coisas de que é bom ter nostalgia e saudade. Eu tenho saudade dos meus verões de infância em casa dos meus avós com irmã, primos, amigos, era tudo tão bom, na sua simplicidade, e os gelados eram feitos de xarope de groselha, na cuba de gelo. Uma delícia!! É bom lembrar as coisas boas da nossa infância.
    Beijos
    Lita

    ResponderExcluir
  8. HUMMM,ESSE PICOLÉ É UMA DELÍCIA!
    AQUI EM CASA COMPRO TODA SEMANA E COLOCO VÁRIOS NA GELADEIRA PRA REFRESCAR NESSE CALOR DAQUI DE SALVADOR QUE TÁ ME MATANDO.
    BEIJÃO!
    KÁREN

    ResponderExcluir
  9. Que post mais delícia Tina!!!
    Bons tempos esses que não voltam, mas deixaram uma alegria tremenda dentro do coração!!
    Assim como vc tb tenho nostalgias... saudade daquele tempo que como vc disse, férias era realmente férias...
    Abafa banca eu não conhecia... adorei ;)

    Beijos, boa tarde para vc!

    Nanda

    ResponderExcluir
  10. Vixe, as saudades e lembranças são tantas que a lista seria enorme. Mas nem sempre é bom voltar porque as vezes ela é melhor na memória. às vezes, quando encontramos estes momentos e objetos perdidos no tempo vemos que nem sempre são tão grandes, bonitos ou gostosos quanto nossa memória guardou.

    ResponderExcluir
  11. A vontade de sorvete de tapioca sentada em algum banco da Bahia nem me deixa das minhas nostalgias!
    Beijo

    ResponderExcluir
  12. Tina, adoro sorvete de chocolate é muito bom!
    Um abraço,
    Pedro

    ResponderExcluir
  13. Amiga, eu sou loooooooooooouca por picolé, sacolé, ou qualquer coisa congeladinha! Amo menina... E meu picolé preferido é o de coco e o de amendoim. Também adoro aqueles de morando (de gelo, cheio de tinta)... Quanto mais "peba" o picolé, melhor!! =D
    Na minha rua tinha uma moça que vendia sacolé por 10 centavos, e ela também vendia saquinho com cana cortada e geladinha por 10 centavos. Ai que saudade!!! Chupei muita cana na minha infância, e muito sacolé de coco, amendoim, chocolate com coco, quick com coco... hahaha
    Amo! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O sacolé aqui se chama geladinho e eu tb chupei muito cana, amava e ainda amo mas não vejo mais na rua os moços com uma vara e vários buquezinhos de cana cortadas em rodelas, vou formatar um post sobre isso.
      Valeu pela doce inspiração, lembrança e comentário :)

      Excluir
  14. Ai Tina, pena que a gente só percebe a importância desses prazeres depois de adultos….quanta nostalgia senti…será que aproveitei bem minha infância?
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. ai, deu vontade rsrs bju de linda tarde

    ResponderExcluir