12 de dezembro de 2013

Estórias e Histórias

Antigamente o que acontecia pelo mundo era contado e recontado através dos contadores de histórias, viajantes que levavam e traziam relatos do que viam, ao pé da letra ou do tipo quem conta um conto, aumenta um ponto.
E foi assim até que Heródoto, um geógrafo e historiador grego que nasceu nos idos de 484 a.C., reuniu tudo aquilo que viu e ouviu falar dos costumes, mitos e histórias de diversos povos. ao longo de suas andanças, em um grande livro chamado Histórias. Ele foi considerado pelos seus sucessores como "pai da história" e como o "maior embusteiro". Você já tinha ouvido falar dele? Se não, agora você tem mais essa história para contar.
Dia desses alguém me lembrou em um comentário que haviam duas formas de escrever a palavra história. Antigamente o termo "Estória" era usado para contação de fábulas, contos, ficção e  "História" para contação de fatos sobre a humanidade, a vida de uma pessoa, seus feitos. Atualmente o termo "Estória" caiu em desuso e o termo "História" é usado em todos os sentidos.

12 comentários:

  1. Sempre tive dúvidas entre qual termo usar: estória e histórias. E não conhecia a história de Heródoto!

    Carol
    www.umblogsimples.com

    ResponderExcluir
  2. Amo mitologia grega e tudo mais, e sabia da história desse Heródoto! Mas não sabia do desuso da palava "estória"... acho que estou ficando velha, porque ainda uso essa palavra... kkk Sempre que vou escrever algo relacionado a ficção eu coloco "estória", e acontecimentos reais, coloco "história"... rsrs

    Respondi teu comentário lá no blog visse? Adoro tua sinceridade, de verdade! =}

    tenha um dia lindo amiga!

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde, Tina. Essa diferença eu sabia, só não me lembrava que havia caído em desuso o termo "estória."
    Sempre esclarecedor.
    Beijos e excelente Natal com muita paz e um 2014 abençoado.

    ResponderExcluir
  4. Oi Tina, eu conhecia a diferença, mas também não sabia que já havia caído em desuso.
    abraço,
    Denise - dojeitode.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Sempre ficava em dúvida se ainda se usava o termo Estória para contos que não eram verdadeiros...agora já sei que não se usa mais!! Obrigada, Tina!!

    Beijinhos!!♥

    ResponderExcluir
  6. Eu prefiro mesmo "história" pra tudo!

    ¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•

    Meu agradecimento pelos carinhos todos nesse ano e desejos de FELIZ NATAL e lindo, iluminado e com muita garra 2014 ! beijos,chica

    ¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•

    ResponderExcluir
  7. Era uma grande dúvida minha. A nossa Língua é muito complicada, e estas mudanças vieram pra melhor.
    Tina quero te desejar um Natal e Ano Novo repletos de alegria e paz, com muita saúde e felicidades.
    bjs.

    ResponderExcluir
  8. Que bacana!
    Sabe que eu tinha essa dúvida mesmo! Eu li em livros a palavra Estória e ne perguntava se aibda deveríamos usar e quando.

    Obrigada pela excelente explicação!

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  9. Tenho a lembrança nítida da professora do primário falando que deveríamos fazer uma composição, que nada mais era que escrever uma estória.
    A história era coisa sisuda, séria, para os maiores.
    Ainda na escola, veio o desuso da palavra. E parecia uma violação escrever tudo com "h" para as verdades comprovadas e as imaginadas.
    Mas sabe que hoje adoro essa unificação: posso escrever minhas histórias no blog e elas tanto podem ser verdadeiras como estórias do passado!
    Beijo

    ResponderExcluir
  10. É verdade e me lembro que quando mudou a ortografia eu confundia direto essas histórias!...rs...bjs,

    ResponderExcluir
  11. Sou do tempo destas duas palavras e confesso que ainda fico confusa na hora de escrever.

    ResponderExcluir