25 de fevereiro de 2014

Carnavalices

Duas postagens apenas para o Carnaval é o que resolvi
Por estar em plena Salvador Bahia e por aqui sobrar esse assunto
Além de estar o tempo todo em todo canto a festa na TV
Mas, para o blog entrar no clima, ainda que no tom de sair da rima
Da globeleza, sua vinheta, caracterização e falta total de renovação
Vou usar o tom de zoação, nada de poesia
Grito de carnaval é a festa hoje aqui nesse quintal
Bloquinho da limpeza e puxões de orelhas na geral
É que cada dia tem pelas ruas menos confetes e serpentinas
E mais mijo e gastos além do que se pode
Valores absurdos para camarotes, camisas, pulseiras para festas fechadas
Trilhas sonoras que nada tem a ver com carnaval
Não precisa ouvir marchinha os que gostam de novidades
Mas bem podia se tocar cada coisa a seu tempo
Forró no São joão, coral no Natal
E falando em mandar mal
Do público e pessoal
Comportamentos além do tom e medidas
Muita bebida alcoólica e outros consumos que são uma droga
Nocivas e mascaradas no status de moda
Para sair dessa e nos acudir, vou o papo colorir
Com a porção cultural e lúdica da comemoração
Bailinhos infantis e os dos tempos dos clubes
Máscaras e fantasias
Animação, danças e cantorias
Que espantam os males e mexem o esqueleto
Muita água para refrescar
E curiosidades didáticas para arrematar
A data oficial, não os muitos dias antes e depois de folia extra, tem origem católica e é oficialmente 47 dias antes do domingo de Páscoa. A expressão em latim "carne vale", significa: "adeus carne" e representa a tradição de que terça-feira de carnaval é o último dia que os católicos podem comer carne. Embora o comércio tenha o hábito de fechar as portas do sábado até a terça ou meio-dia da quarta-feira de cinzas, não existe nenhuma lei federal que institui esse período como feriado nacional, sendo que alguns municípios e estados possuem uma legislação própria.
Na real ou na imaginação, para quem já está no papel de folião ou para quem está se preparando, de vestir ou de sonhar, qual a sua fantasia?
Uma dica: se estiver de baixo astral, aproveita que é carnaval para soltar as bruxas, rodar a baiana, pular da prancha, sorrir por fora ainda que não esteja sorrindo por dentro, que nem os palhaços por muitas vezes fazem. Façamos da tristeza confete, é só jogar para cima e deixar o vento levar \o/

9 comentários:

  1. Tina,
    por aqui é também quenemquenem
    muito barulho, muita balbúrdia, estragando a boa animação.
    O melhor é curtirmos os bailinhos infantis.Esses sim, convidam à alegria.
    Boa semana e bom carnaval.
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    esta é uma festa que anima até os mais acanhados, ainda bem que todos se divertem. Aqui é mais sossegado, não tem os desfiles nem fantasias uma pena.
    Bjos e tenha uma ótima semana.

    ResponderExcluir
  3. No último fim de semana saí em busca de carnaval e foi uma decepção. A alegria, a descontração, a animação somente aparecem quando surge a camera da Globo. Depois, voltam todos para as suas mesas do botequim e o riso desaparece.

    ResponderExcluir
  4. Oiiii Tina que alegria te receber no blog, fiquei muito tempo ausente mas voltei cheia de saudades de todos! Eu gostava muito de carnaval, mas com o tempo e a idade kkkk hoje corro dele, imagino como deve ser badalada esta época ai em Salvador, deve-se ver de tudo mesmo! Uma ótima semana p ti! Bjossss

    ResponderExcluir
  5. Tina,Tina...sempre um encantamento te ler! Adorei esse carnaval com realidades bem mostradas,mas com a pitada de fantasia que só sabe dar! bjs,

    ResponderExcluir
  6. Oi Tina querida, que post ótimo, adorei!
    Não gosto de carnaval, mas achei o seu post muito interessante!
    Bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  7. Nunca fui muito fã do carnaval, na maioria dos anos passei em casa e aproveitei o feriado prolongado, que por aqui se estende até o meio dia da quarta. Nesse ano, meu aniversário é a quarta de cinzas. Tem uma marca de cerveja aí dizendo que quarta também será dia de festejar. E chamaram de Dia do Fico. Pra mim será Dia do Fico Em Casa esperando os vinte anos chegarem com as pessoas que amo. Minha folia é aqui, com os sorrisos que mais amo no mundo. Pai e Mãe!
    Uma pena que a tradição vai esfarelando, tenho certeza que uma volta no tempo levaria a carnavais saudáveis de dar vontade de entrar na roda.

    ResponderExcluir
  8. Seu texto respondeu várias curiosidades que eu tinha em relação ao carnaval de Salvador.
    Vale o lado alegre para espantar tristezas.
    Não sou de carnaval, mas acho que é um pouco como ano novo - energia alegre no ar!

    Que se brinque com responsabilidade. Beijo!

    ResponderExcluir
  9. Ai já deve estar em ritmo de festa.
    Tenho uma vontade enorme de passar um carnaval ai, quem sabe um dia....


    bjokas =)

    ResponderExcluir