20 de março de 2014

Por outonices

"Cresci brincando no chão
Uma infância livre e sem comparamentos
Eu tinha mais comunhão com as coisas do que comparação
Eu sei dizer sem pudor que o escuro me ilumina
Migalhas de um cesto de palavras, vivências"
Passarinhices de Manoel de Barros
Por um outono de pés no chão
Poças, praças, pássaros
Por folhas e cabelos ao vento
Fruta no pé
Feira e mesa fartas
Frutos, feixes de luz, de sombra
Sabores e aromas

5 comentários:

  1. Que bom que nossas crianças hoje pudessem ter uma infância assim...Lindo OUTONO! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Por um Outono assim, cheinho de meninices, de peraltices,de risadas e sandices, de toda alegria solta feito folhas ao vento.Que venha rápido esse outono!

    Cândidas lembranças outonais, Tina.
    Obrigada pelo carinho, viu?
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
  3. Outono começando hoje...foi bom lembrar! imagem linda! abrs

    ResponderExcluir
  4. Por um outono de pés no chão..é isso aí :) que venha o outono com muita alegria acompanhado de brisa e som de passarinhos *-*

    Tina um super beijo!

    ResponderExcluir
  5. Tina, feliz outono!
    Beijinhos
    Pedrinho

    ResponderExcluir