23 de abril de 2014

Para escutar a cor da poesia

Escutando a cor do vento, fui guiada como personagens de desenhos e filmes infantis a tortas na janela, a uma descoberta. Navegando, abri um site, que abriu outro, que abriu outro e numa sombra boa, encontrei um tesouro para dividir.  
Márcio de Camillo é um moço que gosta de poesia desde quando um professor lhe deu um livro de Mario Quintana. Aos vinte anos ele debandou solto através das asas do apassarinhado Manoel de Barros. Colocar melodia na obra do poeta virou meta e depois de passados 17 anos com a ideia na cabeça, tempo grande que eu entendo. Dou meu depoimento de ter o endereço do Manoel, que pedi timidamente, nem mesmo esperando conseguir, desde 26 de março do ano passado e não ato nem desato a escrever, desenhar, rechear um envelope de passarinhices e admiração que idealizo mandar para ele.
O músico garimpou todos os livros do escritor, que lhe sugeriu calma para dar voz, som e poesia ao trabalho chamado: Crianceiras. E apesar de o produtor e o poeta mensurarem as coisas por valores além de moedas e medidas, está a venda, em livrarias, por ai e através do próprio Márcio de Camillo (marciodecamillo@hotmail.com) esse trabalho lindo. Fica a dica!

12 comentários:

  1. Que legal! Tu sempre garimpando aqui, ali... Dei uma olhada e achei no You tube. Vou ver com calma! beijos,chica e lindo dia!

    ResponderExcluir
  2. Teus macios vôos descortinaram poéticas intenções já em forma, cor e sabor, Tina.
    Vou lá beber um pouco dessa fonte encantada.Obrigada pela dica.
    Um bjo,
    Calu

    ResponderExcluir
  3. O encontro de Márcio com Manoel é dos mais apassarados possíveis!
    Amamos cantar e dançar Sombra Boa, Bernardo...
    Um trabalho altamente recomendável.

    Sobre Manoel e endereços, existe uma historinha mais ou menos assim: um moço escreveu-lhe e Manoel respondeu-lhe com um sonoro "não ". Deve ter entristecido o tal moço, mas guardou o sonho, tomou fôlego e escreveu de novo. E não é que dessa vez recebeu como resposta um sonoro "sim"?!
    Por que será que tal endereço tão recluso foi apassarinhar em tuas mãos?
    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. Adorei a dica Tina, vou conferir, adoro Manoel de Barros também, já li todos os seus livros…e tenho alguns que são meus preferidos.
    Esse desenho tão lindo é seu?
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não querida Cris, não é meu esse desenho lindo
      E não sei de quem é
      Adoraria saber para fazer referência e reverência :)

      Ganhei por e-mail como sendo minha cara
      Puro carinho e simpatia

      Beijos, meu carinho e cantos de passarinhos \o/

      Excluir
  5. A imagem combinou perfeitamente com o seu texto. A sua escrita é leve, doce e poético. Adoro lê-la.

    Beijos,
    Blog | Youtube

    ResponderExcluir
  6. Que lindooo.
    Seu blog é ótimo parabéns.

    ResponderExcluir
  7. Você dá uma boa dica e tenho certeza que todos vão gostar.
    Élys.

    ResponderExcluir
  8. E que dica heim Tina ;) Márcio + Manoel... = )
    Sou sua admiradora <3
    Quando vc enviar a carinha (linda e caprichosa como vc), conta tudo pra gente ;)

    Beijãooo minha amiga linda <3

    Nanda

    ResponderExcluir
  9. Tina, suas dicas são sempre boas!Bjs
    Amara

    ResponderExcluir
  10. Bom dia Tina Flor!!! Poesia cantada é encanto para a alma! Vou conhecer!
    Beijos, boas energias e muita paz em sua casa com tortas de maçã na janela!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  11. Bem Tina, indicado por ti tenho de ir conhecer!!!
    Obrigada pela dica!!!
    Beijinhos e bom dia!!
    Maria

    ResponderExcluir