17 de julho de 2014

Suspiramentos nossos de cada dia

Eu gosto de suspiros, não o doce de puro açúcar, esses eu amo. Gosto de suspirar, mas não é suspirar de sonhar, de encantamento, que também gosto e pratico, é do suspiro solto, frouxo e com queixa ou contentamento, após puxar forte o ar, que vim falar, os suspiramentos acompanhados de: Ai meu Deus! Coragem! Ai! Ai! ou um ronronar qualquer, uma sobra de ar preso com sentimentos, que presumo teem a necessidade de sair da gente. E nessa de explicar e falar desse tipo de suspiro, percebi quantos tipos tem.
De mim, faz parte, já involuntariamente, suspirar (do tipo respirar fundo), me faz despressurizar, reenergizar, organizar o meu ar e os meus pensamentos. Para confeitar essa suspirância toda, vou contar que tenho outra mania, que é a de falar de alguma coisa de comer, ver na novela, num filme, em uma revista ou lembrar e ficar como formiguinha doceira roendo o estômago e o pensamento, até comer. Nada obsessivo ou nocivo, corda dada ao dia-a-dia, que pulo com gosto e as vezes suspiros de que não deu, acompanhado de um suspiro de gratidão por ter todo dia comida na mesa, por tudo que já tive, tenho, provei, vivi, por tudo que com o choro aprendi e por tudo que me fez, faz e fará sorrir.

10 comentários:

  1. Lindo,Tina!

    Eu gosto de suspiros doces e dos suspiros daqueles que nos fazem fazer pausas. Quando a coisa tá pegando, difícil, após um suspiro, parece que tudo claria! Bons suspiros dos bons pra ti e todo! beijos,cvhica

    ResponderExcluir
  2. Você me fez lembrar da minha irmã que suspirava muito (ou será que gemia?) até o meio da manhã porque tinha muita dificuldade em acordar de verdade. E dizia: "É tão bom..." Quanto à mania de doces eu não tenho porque amo o sabor salgado. E minha cinturinha de borda recheada de catupiry mostra este meu vicio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu até prefiro os salgados aos doces sabe amiga Beatriz. Na verdase gosto de tudo e todo dia agradeço a Deus por não ter que escolher e não aparecer no meu manequim o tanto que como...risos

      Excluir
  3. Eu amo o suspiro doce (deu até sdd de comer aquela gostosura rs...)
    E suspiro qdo vejo um homem bonito rs... ou qdo to cansada (ai tenho que respirar bem fundo).

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  4. Que doces suspiros, Tina, e coloridos também.

    Gostei muito!

    ResponderExcluir
  5. Quando li suspiros, já fui logo desejando um pacotinho <3 hehehe
    Dependendo dos suspiros tb gosto Tina, principalmente aqueles que a gente dá quando está feliz, encantada.... Só fico irritada com aqueles debochados sabe? Aqueles me tiram do sério...

    Beijãoooo minha linda!

    ResponderExcluir
  6. Olá Tina querida!
    Sempre lindos textos e de uma profundidade que toca lá no suspiro da gente!
    Muito bom ler o que escreve!
    Mil beijos
    Cris

    ResponderExcluir
  7. Tina, não acredito que comentei, mas o comentário não entrou!
    Aí, sim! Suspirei que nem doida, aqui! rs
    Eu vivo a suspirar. Minhas reflexões sempre são acompanhadas de suspiros.
    Meu marido, hora e outra pregunta: "o que foi, agora, mulher?!". Daí me toco que estava suspirando kkkkk
    Texto maravilhoso, Tina!

    Ando sumida. Agora sou doula, e tenho o tempo tomado por acompanhar as gestantes em pré-parto, parto e pós-parto. E tenho estudado muito. Mas amo!

    bjs

    ResponderExcluir
  8. Tininha, sabe o que me faz suspirar? Seus textos! São lindos! Vc pega um tema simples e transforma em poesia sempre,adoro! Suspiros mil pra vc!

    ResponderExcluir
  9. É por essa simplicidade que derrete na boca e nos olhos, pela poesia, que nos encantamos com seu talento com as palavras... LINDO.
    BEIJOS com asas, Tina. E obrigada pelo carinho... comigo e com a Tata.
    Keila (Alecrim)

    ResponderExcluir