22 de setembro de 2014

Guia para descobrir a natureza

Falei recentemente aqui da minha candura, exclamações e reticências a nomes de editoras, não tanto para comprar um livro, mas por observância e também pela escolha com paridades e poesia para quiça um dia eu consiga publicar o meu, ou os meus, já que sonhar é de graça e sou chamada de passarinha, vou sonhar alto.
Mexericando na net achei uma editora mimosa chamada: Planeta tangerina e eis que a capa do livro que me levou a ela é de cor laranja como essa frutinha de tantos codinomes, que só aprendi esse ano ser um deles bergamota. Cor que amam minha amiga Ana e meu irmão.
Irresistível não linkar um post alaranjado em que falei de um livro e escritor amado, para leitura ou revisita, clicar aqui. Um tangerinoso aqui, além do post sobre nomes de editoras que referenciei no inicio dessa escrivinhança. Clica mesmo sobre as palavras indicadas e hachuradas (adoro essa palavra pouco usada e tão escolar que significa sublinhar e que eu falava até buscar como grafar hachuriar).
Voltando ao livro, ele é um guia que tem uma temática que é a cara aqui do blog e de blogs amigos, além de comunicar em linha reta, curvas e atalhos com meu pensar. Lá fora é o nome do livro (esse das páginas ilustradas, aberto na ilustração) e nele somos convidados a refletir e a sair para fora de casa e levar conosco as crianças, os idosos, nossos cães, gatos, pois ainda que não moremos numa vasta ou até miúda roça, fazenda, casa, ainda que moremos numa barulhenta, edificada e grande cidade, sempre existe natureza lá fora. Não venha me dizer que não. Nem que seja uma flor que nasceu no meio do asfalto deve ter na sua rua ou na vizinha, se não tiver tem as nuvens, o sol, a chuva, a lua e as estrelas, pedras. Valendo as muitas vezes abandonadas, praças, árvores, praias, aves.
Um livro que incentiva o despertar da curiosidade pelo mundo natural, que inclui propostas de atividades de interação com a natureza, que é colorido e com lindas ilustrações (pelo foleamento virtual que fiz, não tenho ele, nem conheço quem tenha) e que tem a romântica e realizadora pretensão de ajudar as pessoas grandes e pequenas, trancadas em seus quartos, plantadas no sofá a saírem de casa e descobrirem ou simplesmente contemplarem a natureza e o mundo incrível que existe “Lá fora”. Achei muito boa a indicação, o tema e a proposta para uma segunda primaveril, com olhadas para os campos, para o céu, para folhinhas caídas no chão, para as flores nos caminhos, olhares fontanos, curiosos, sensíveis, com brilho e piscadas de vida.

13 comentários:

  1. Que lindo post,Tina e vem de encontro ao que sempre se faz aqui por casa.Levamos os pequenos para a natureza e nós mesmo precisamos, como eles, dela que sempre nos mostra algo novo e lindo. Basta olhar, com olhos de VER! Vamos nessa sempre! Linda semana! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. É tempo de abrir as janelas e a alma e deixar que a primavera nos renove. Uma linda semana para você e que volte todos os dias nos contando o que viu Lá fora.

    ResponderExcluir
  3. Goiânia é chamada de cidade da eterna primavera. Chic né?!!
    Aqui tem belas praças e jardins, parques e bosques que formam uma grande área verde e uma linda primavera!


    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Bom diaaa Tina

    Que a primavera venha florir o que há de mais lindo dentro de nós.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  5. Lindo texto, Tina! Eu também adoro a Natureza.
    Beijos e uma boa semana.
    Lita

    ResponderExcluir
  6. Natureza maravilhosa, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  7. Estamos com o cheiro da primavera no ar e que ela nos traga muitas flores e muitos amores...Momento de alegria e renovação.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Tina,que editora mais simpática, com cheiro de tangerina! Adorei a sua dica! bjs e ótima semaninha,

    ResponderExcluir
  9. Adorei a dica, Tina, visitei o site da editora e vi o vídeo com o livro, demais!
    Obrigada por compartilhar.
    Bjs e ótima semana primaveril

    ResponderExcluir
  10. Vontade que deu de calçar sapatos alaranjados nos pés e sair para encontrar Lá Fora! O passarinho alaranjado, o vento descabelando os exploradores. Deve ser lindo esse livro e o convite a levar nosso olhar lá para fora é mesmo especial, ainda mais em tempos primaveris, com árvores, chão, sonoridades a nos encantar.
    Beijo! ( e ainda tenho querências pela tal editora Tapioca ).

    ResponderExcluir
  11. Tina, deu uma vontade imensa de ler Lá fora! Acho que Pedrinho ia gostar também! Suas dicas são sempre ótimas.
    bjs
    Amara

    ResponderExcluir
  12. Adorei a dica minha amiga+passarinha+primaveril!
    Que a primavera traga renovações,flores e recomeções para nós!
    Grande beijo! :)

    ResponderExcluir
  13. Olá, querida Tina
    Por mais que goste de interagir por aqui, necessito de sair... de ir lá fora ver a vida de perto... estar com a natureza bem perto e ver gente...
    A natureza me integra...
    Bjm florido

    ResponderExcluir