2 de fevereiro de 2015

Das mudanças de estado

Recebi dia desses carinho via correio 
Como já recebi de outras vezes 
De mais de uma pessoa 
O agrado veio do Rio de janeiro 
Que para mim saiu do estado de estado 
Para o estado de puxadinho 
Longe geograficamente 
E perto do coração 
E num vai e vem de folhas, lenços 
Bilhetes, cartinhas, cartões, caixas
O estado abstrato do carinho 
Se transmuta em concreto 
Com cores, aromas, sabores
Que viajam com os pensamentos 
De um dia um abraço 
Para o carinho se multiplicar 
E saudade ser sentimento
A também viajar em envelopes e caixas 

14 comentários:

  1. Lindo Tina.... (puxando a sardinha para meu lado hihiiiiii), coisas de carioquice brejeira e charmosa.
    Beijos mais.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom a gente ser lembrada e receber os mimos e as lembranças de pessoas queridas. Bjs e vim lhe convidar a ver as novidades do Poesia

    ResponderExcluir
  3. Lindo você fazer um poema para um gesto carinhoso. É... carinho se retribui com mais carinho. Beijo, Tina!

    ResponderExcluir
  4. Ah os carteiros têm mesmo o dom de costurar estados bem juntinhos um dos outros! Esses carinhos que nos batem à porta enternecem o coração.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Adoro essa coisa de mundo virtual que se encontra com o real.

    ResponderExcluir
  6. Que legal,Tina! Receber esses carinho nos fazem tão bem e quando os enviamos, nos alegramos também. É uma troca via postal,rs bjs, tuuuuuuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  7. Tina, é bom demais receber mimos e ter pessoas especiais na nossa vida.
    Fica pra sempre!
    Amei o texto!
    Beijos
    Amara

    ResponderExcluir
  8. Boa noite Tina Flor!!! Me parece que este presente viajante quase virou poesia cantada!
    Lindo descrever...ahhh, estou adorante te ver sempre no Instagram, muito bacana!!! Quando saio na rua parece que vou te encontrar ali na esquina, hehehe!
    Beijos
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  9. Tão bom receber cartas né?
    Nestes tempos virtuais, eu não tenho recebido nada rs...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  10. Pois é Tina.
    A saudade também passeia nos envelopes que recebemos e enviamos.

    ResponderExcluir
  11. Oi Tina, estou voltando e passei para te agradecer pelo carinho e matar a saudades dos seus posts inspirados.
    Que delícia receber um agrado de surpresa, ainda mais se veio de longe, imaginar o cuidado, o capricho que aquela pessoa teve conosco, é bom demais...
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  12. Essa troca é sempre muito linda e gostosa.
    Maravilhosa essa sua postagem.
    Ja seguindo aqui
    desejo um bom dia.
    e te convido a passar pela poesia
    da Nadia la no http://reflexosespelhandoespalhandoamigos.blogspot.com.br/.
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderExcluir
  13. Olá Tina, Tininha tudo bem?
    Gostei muito daquela caixa que o correio trouxe da Bahia!
    Beijinhos, beijinhos e carinho,
    Pedro

    ResponderExcluir
  14. Quando a gente recebe o pacote é como uma visita, só que veio pra ficar! Adoro. Bom fdsss!

    ResponderExcluir