19 de agosto de 2015

Das fatasias e realidades

Bicho de Sete de Cabeças e Outros Seres Fantásticos é o nome de um livro de Eucanaã Ferraz e André da Loba, pela Companhia das Letrinhas. O livro tem personagens brasileiros ao lado de estrangeiros, uma mistura bem interessante, agregadora, fantástica e inteligente. As ilustrações, por sua vez são um show de criatividade e foram criadas pelo artista plástico português André da Loba e não é no estilo desenhos ou pinturas, são esculturas fotografadas, que foram feitas especialmente para o livro.
Achei ele no meu garimpo folclórico, mais um livro pra minha lista que já está na categoria de Fábulas eu vir a ter todos os listados. E nessa descoberta descobri o poeta Eucanaã. Tantos livros legais e diferentes eu pensei tem por ai que a gente nem conhece, não são pops, estão por ai na prateleiras físicas e virtuais e compramos o que tá avista por preguiça de remexer e ir atrás de algo novo, diferente,interessante. Vale para os livros que compramos para nós, para os que compramos para dar de presente.
A origem dessa expressão está na mitologia grega. A lenda diz que um monstro chamado Hidra, tinha sete cabeças que ao serem cortadas, renasciam. Dessa forma, matar esse animal era uma tarefa muito difícil, e daí a associação. Dica de leitura data, história de expressão contada, embora de fácil interpretação associada, aroma de quitutes de baiana, cores dos colares, pulseiras e que renda positivamente, com benção de água de cheiro, o dia de hoje para todos nós.

5 comentários:

  1. Estou estudando um pouquinho de mitologia Grega, e descobrindo o quanto ela esta presente no nosso cotidiano! abraços

    ResponderExcluir
  2. Um dia cheio de balangandãs, fitas coloridas, sacis danadinhos e tudo mais que possa te fazer feliz! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Adorei a foto do perfil.
    Eu adoro folclore e mitologia grega, ambas são fascinantes.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  4. Boa dica. Por aqui comecei hoje a trabalhar com as crianças o conceito de folclore usando paródia e contação de lenda contada por meu avô, eles adoraram , imaginaram, viajaram, depois fizeram listas de comidas típicas e escolheram uma lenda para desenhar e escrevê-la da maneira deles, aos poucos vamos trabalhando lendas e muito mais que a riqueza de nosso povo nos concede. Tem novidades no blog

    ResponderExcluir
  5. Gosto das poesia do Eucannã Ferraz, no blog do Pedro tem poesia dele!
    Beijos
    Amara

    ResponderExcluir