18 de novembro de 2015

Silêncio

"O homem que bem pensar
Não tira a vida de um grilo
A mata fica calada
O bosque fica intranqüilo
A lua fica chorosa
Por não poder mais ouvi-lo"
Trecho do repente Cordel desencantado
Pelo derrepente silêncio em Mariana
Que hoje, disse ontem na TV, por lá iria chover
E aqui na Bahia, cinzas onde era verde
A imponente e bela Chapada queima 
Carece de água
Dois extremos e avessos
Pelo calar brutal de vozes na França
Meio ambiente por inteiro descompensado
O bicho homem culpado
Rima com pesar tipo o calar de grilos
Na queima no Parque Nacional
Na lama de Mariana e no ataque a Paris
E em meio ao caos patrulha solidária 
Por qual tragédia é maior, mais sua
Nacional, digna de destaque no jornal
Banal uso da palavra, essas comparações
"Não tem altura o silêncio das pedras"
Disse Manoel de Barros
Barro
Fogo
Tiros
Silêncio
Ou palavras sensíveis
Atitudes
Doações
Hábitos ambientalmente corretos e coletivos
Tolerância
Orações

7 comentários:

  1. Descaso humano...,
    Bjbj Lisette.

    ResponderExcluir
  2. Triste momento!...Acredito que um dia a humanidade aprenderá que através do amor, fará a fraternidade chegar e a paz tão desejada conquistará.

    ResponderExcluir
  3. Oi Tina, boa tarde,
    Texto ótimo, de uma sensibilidade imensa.
    Penso que, tragédias, perdas, e calamidades
    de qualquer espécie, não possuem nacionalidade...
    Dói muito ver a dor alheia, seja no Brasil,
    na França, ou em qualquer lugar do mundo.
    Bjs!

    P.S.: Obrigada pela visita e simpático comentário!

    ResponderExcluir
  4. Olá Tina,

    Um texto belo e sensível, que me tocou profundamente.
    A dor é a mesma para todos os dramáticos acontecimentos, que independem de nacionalidade.
    Infelizmente, as maiores tragédias são provocadas pelo próprio homem, seja por negligência, por desrespeito à natureza, seja por fanatismo religioso e, pior ainda, pela ganância indecorosa.
    Oremos, com esperança!!!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  5. Um triste silêncio que grita na alma de quem sabe ouvir. A dor de mariana, a mesma da França, a luta do homem do campo, a falta de chuva que assola o restam matando tantos animais de sede e fazendo quase perder a esperança. Que Deus tenha misericóridia e nos traga bençãos

    ResponderExcluir
  6. É triste ver que o que era (Rio) doce se acabou.

    ResponderExcluir
  7. GOSTEI! 2 fatos q infelizmente aconteceram nesse ano a quebra da barragem na cidade de Mariana-MG q resultou em dano ao meio ambiente grave e demorará muito p a natureza responder e o terrorismo em PARIS!

    ResponderExcluir