11 de maio de 2016

Limpar as calhas
Varrer as folhas
Que caem sem alarde
Afazeres
Chuva e sol
Telhas
Teto
Céu
Tanto
#doveralém

11 comentários:

  1. Bom dia.Parabéns, linda a sua poesia.Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Quando estiar
      Daqui posso avistar
      Passarinhos nas calhas com água
      A se banhar

      Excluir
  3. Muito lindo e há tanto sempre por fazer, sabendo ver além...

    Lindo céu! Vou roubinhacar,rs bjs, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah essas suas palavrices
      Adoro

      Mandei a foto completinha pra vc ;)

      Excluir
  4. Um bonita poesia, criativa e emoldurada por uma linda imagem.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  5. Coisas outonais, inspiração/construção perfeita.
    Abraços Tina.

    ResponderExcluir
  6. Tão bom apreciar o céu.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  7. Ver além...assim se faz é o que importa! Lindo demais! Beijinhos!

    ResponderExcluir