21 de setembro de 2016

#adoro

Ai, hoje, em dos programas matinais globais
O estranho ser, uma criança gostar de hélices
O brincar construindo coisas, causar espanto
Necessitar reflexão
Qual nada
Não resisti resenhar
Ele gostava de brincar com o velotro de cabeça pra baixo
Dizia estava fazendo pipoca
Na varanda eu ligava o espremedor de laranjas e ele espremia a peça abelha giga do lego 
Era suco de abelha
Além da seção de cócegas na palma da mão
Brincou também com furadeira
Sem ligar tá
Chaves de fendas, martelo
Com escova de dentes limpava o ralador de queijo para ajudar o avô
E nas latinhas de refri vazias, com toda uma harmonia sqn a gente fazia o sambão do limadão
De me arrepiar aquele raspar mas superava porque ele amava
E se alguém achava estranho
Nem prestamos atenção
Lembro da pró de alfabetização dizendo com espanto que ele desenhou o sol na parte de baixo do papel
Ao que ele respondeu, que o sol dele estava se pondo
E eu pondo ela no lugar, arrrematei:
A senhora deixa?
Então
Enenzinho rolou
E sei lá quenzinhos
Que brincaram com as coisas "certas" não sei
Sei que ele
De 45 questões
Acertou 44
#diferenteébomdiferenteélindo
#diferentemudaomundo
#diferenteseiguais

3 comentários:

  1. Que lindo e tão bom ver a criatividade das crianças a inventar novos brinquedos com os existentes. Adorei e parabéns pelos resultados! Coisa bem boa! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Ah... a maioria querendo problematizar tudo.
    Tão simples é o brincar livre sem imposições do que é correto, do que deve ou não, enfim, entre abelhas e ralador, muita alegria e criatividade!
    Parabéns pelos excelentes resultados!
    Bj

    ResponderExcluir
  3. Boa noite, querida Tina!
    Ver o progresso dos filhos é muito bom!
    Eles crescem rápido e a gente tem mesmo que aproveitar todas fases... explorar potencial...
    Bjm muito fraterno

    ResponderExcluir