18 de novembro de 2011

Apenas

Li no comentário de um blog querido
que conta-se que o grande imperador romano Marco Aurélio 
sempre que saía à rua levava consigo um servo
que tinha a função de sussurrar-lhe ao ouvido a cada elogio recebido:
"Você é apenas um homem!"

Que sejamos humanos, meros e doces mortais.

5 comentários:

  1. Perfeito Tina... Acima de tudo HUMANOS né? Lindoooo!!

    Tina, estou sem palavras, muito, muito, muito, muito OBRIGADA pelo seu apoio, eu não tenho palavras para te agradecer pelo carinho e pela amizade que recebo de ti!
    Fiquei muito emocionada com teu apoio, tu não podes imaginar, és muito especial para mim (juro)!!! Amei os dois recadinhos!!

    Beijinhos no seu coração!! Um lindo restinho de sexta-feira branca para vc, e um maravilhoso final de semana ;)

    com muito carinho

    nandapezzi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Triste precisar de alguém pra lembrar,né?Ô cara exibido ele era,srrs

    Temos que saber nosso tamanhinho...beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Pois é, devemos saber-nos pequenos e sermos grandes.

    “Para ser grande, sê inteiro: nada teu exagera ou exclui.
    Sê todo em cada coisa. Põe quanto és no mínimo que fazes.
    Assim como em cada lago a lua toda brilha, porque alta vive."
    Fernando Pessoa

    ResponderExcluir
  4. À falta de um servo, espécie difícil de encontrar nos dias que correm, o grilo falante do Pinóquio, ou uma consciência bem atenta, cumpriria o mesmo propósito.
    Beijo

    ResponderExcluir